COLESTEROL

DISLIPIDEMIA

É uma alteração, quase sempre por excesso, nos teores de lipídeos ou gorduras do sangue, como o colesterol e os triglicerídeos.

COLESTEROL

O colesterol é um componente exclusivo das gorduras de origem animal, produzidos pelo fígado e distribuido amplamente pelo corpo. Faz parte da composição das paredes celulares, além de ser indispensável na produção de hormônios envolvidos na reprodução humana, na composição do ácido biliar que regula a digestão dos alimentos e na síntese da vitamina D.
O colesterol é proveniente de duas fontes principais:
  • Do nosso fígado ( 70% )
  • dos alimentos( 30% )
COLESTEROL TOTAL

É o nivel de colesterol sanguineo circulante no organismo. É composto por 02 frações:
  • HDL - o "bom" colesterol, que é responsável pelo transporte do LDL do sangue até o fígado para ser destruido.
HDL - colesterol                                         Valores mg/dl
                                                   Homens                         Mulheres
BAIXO                                          <40                                 <50
DESEJAVEL                                40-60                            50-60
ALTO                                            >60                                 >60
  • LDL - o "mau" colesterol, que éresponsável pelo transporte do colesterol nos diferentes tecidos orgânicos.Atua sobre as paredes internas dos vasos sanguineos favorecendo a formação de depósitos de gorduras nas paredes das artérias.
LDL - colesterol                                                          Valores mg/dl
                                                        Desejavel               Tolerável                  Alto
Adulto sadio                                      100-129                 130-159                 >160
Risco de doenças cardiovasculares      <130                      ___                      >130
Alto risco ou diabéticos                       <100                      ___                       >100
Cardiopatas                                           <70                       ___                       >70

ONDE ESTÁ O COLESTEROL?

Nos alimentos de origem animal, entretanto, alguns alimentos de origem vegetal como óleos vegetais e polpa de coco podem conter maior quantidade de gorduras saturadas que colaboram para o aumento do mau colesterol.

TIPOS DE GORDURAS

GORDURA SATURADA - abundante nas carnes e na gordura animal, em laticinios e em óleos vegetais, como o azeite de dendê e o óleos de coco. Em temperatura ambiente essas gorduras são sólidas. Elas agravam oprocesso de entupimento das artérias, conhecido como aterosclerose, que aumenta o risco de doenças cardiovasculares.

GORDURA TRANS - formada por meio de um processo de hidrogenação natural (gordura de animais ruminantes) ou industrial. Essas gorduras estão presentes na maioria dos alimentos processados em concentrações variáveis e na carne e no leite em menores quantidades.
A gordura trans é prejudicial a saúde, podendo contribuir para o desenvolvimento de algumas doenças crônicas, como as dislipidemias.

GORDURA MONOINSATURADA - ajuda a reduzir o LDL auxiliando nos processos de limpeza das artérias, sendo fator protetor para as doenças cardiovasculares. Principais fontes: azeite de oliva, óleo de canola, abacate e nozes.

GORDURA POLIINSATURADA -. os famosos ômegas pertencem a esta família, as versões ativas do ômega 3 (ácido  pentaenóico EPA e ácido docosahexaenóico DHA), encontrados no salmão, sardinha, atum, cavala e arenque. Já em vegetais como a sementede linhaça, espinafre, agrião e brócolis encontra-se o ácido linolênico que no organismo é transformado em EPA e DHA, é um ácido graxo essencial que nosso organismo não consegue produzir. Recomendação de 1,6g para homens e 1,1g para mulheres.
O ômega 6 está nos óleos vegetais de canola, soja, girassol e milho. O consumo recomendado para homens é de 14 a 17g e mulheres é de 11 e 12g.

LEMBRE-SE:

Frituras não são indicadas, pois aumentam a quantidade da gordura no alimento e seu valor calórico, Mas o problema vai além: o óleo em temperatura de fritura caseira, sofre diversas transformações, formando acroleína (um irritante da mucosa  gástrica e possivel cancerígeno) tornando-se tão nocivo quanto as gorduras trans.

Comentários

Postagens mais visitadas