Hidrate-se! É vital.


HIDRATE-SE



Você é o tipo de pessoa que só se hidrata quando a boca está seca? Pois este é o momento de rever sua atitude e passar a carregar garrafinhas para onde for. Não é à toa que a água é considerada a substância mais vital do nosso corpo. Uma quantidade adequada de H2O é a chave para manter sua digestão no caminho certo, as vias nasais úmidas e os rins dispostos. Ela também é essencial para melhorar o funcionamento dos seus principais órgãos, incluindo o cérebro. Até mesmo quem quer ganhar massa muscular precisa consumir água durante a recuperação do músculo, que acontece em meio aquoso.
 Ah! E aquela queima de gordura que você tanto deseja também acontece em vias repletas de água.


Corpo desidratado


A sede é um sinal claro de desidratação, uma vez que você não tenha comido um lanche salgado - geralmente aparece quando você perdeu apenas 2% do seu peso total de água.

Com essa carência, aparentemente minúscula, você já pode sofrer câimbras e dores de cabeça. Suas habilidades esportivas também podem falhar, já que os músculos precisam de um meio aquoso para se contrair. E, como resultado desse estresse, seus batimentos cardíacos aceleram e a sensação de fadiga aparece.

Em pouco tempo tudo começa a parecer mais difícil. Se você raramente se lembra de beber água durante o dia, cuidado: longos períodos com baixo consumo de água têm sido associados a problemas de saúde, como pedras nos rins e infecção urinária. Se você estiver grávida, também tem chance de prolongar o trabalho de parto.

Cérebro fraco


A falta de H2O pode, inclusive, afetar o cérebro de maneiras surpreendentes. Uma pesquisa sugere que uma desidratação leve - que pode não fazer você sentir sede - é capaz de interferir nas suas habilidades de concentração e aumentar o estresse e a ansiedade. Cientistas ainda estão investigando, mas há suspeitas de que a ausência de água afeta as células nervosas que controlam o humor.


É claro que ficar realmente desidratado é muito sério. Se você perder de 5 a 6% do seu peso de água de uma só vez, pode sofrer sintomas como confusão mental e vômito. Esse tipo severo de desidratação - que usualmente afeta atletas e pessoas que vivem em temperaturas extremas - deveria ser considerado uma emergência primordial nos prontos-socorros.

Consumo inteligente


É frequente ouvir recomendações para "beber oito copos por dia". Porém isso pode não funcionar para todas as pessoas. Tudo depende do organismo e do estilo de vida de cada um. "As que nasceram em países frios precisam de mais água em regiões tropicais", explica Paulo Olzon, clínico geral e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Em geral, o Instituto de Medicina dos Estados Unidos recomenda que a maioria das mulheres tome, pelo menos, 3 litros de água por dia, embora isso inclua os fluidos ingeridos com a comida (um frango cozido, por exemplo, tem 20% da quantidade diária de água de que você necessita). Recomenda-se que as pessoas bebam um copo de água após ir ao banheiro.

Água e atividade física


Já as atletas precisam de atenção redobrada. Exercícios físicos que envolvam grande perda de suor, como corrida, exigem a reposição de água e sais minerais, principalmente o sódio. Uma dica: pese-se antes e depois do exercício para saber a quantidade de água perdida durante a atividade. Se a pessoa perde 600 g durante o treino, é preciso repor com 600 ml de água

Mas não vale beber tudo de uma só vez. Hidrate-se devagar ao longo do dia. O corpo só consegue
absorver cerca de 120 ml de uma vez. O restante é eliminado pelo rim.

Em caso de dúvida, pare e pergunte a você mesma: "Qual atividade vou fazer, por quanto tempo e em qual temperatura?" Se vai se jogar em uma atividade supertranspirante - como uma corrida longa ou uma partida de tênis -, faça intervalos para hidratar o corpo.

Você também pode controlar o consumo de água pelo xixi. "Se ele estiver amarelo bem clarinho, tudo bem. Qualquer escurecimento significa que você precisa se esforçar mais para se hidratar.

O importante é manter-se hidrato o tempo todo, em todas as épocas e estações.
Pratique bons hábitos! 

Comentários

Postagens mais visitadas