Serotonina e bem estar.

Quantas vezes, ao terminar uma refeição, você já se sentiu mais animado ou disposto? Pode parecer besteira, mas a alimentação reage diretamente com os nossos sentimentos, isso porque alguns alimentos contêm substâncias que agem no cérebro.
A serotonina é responsável por elevar o humor e a sensação de bem-estar. Já a falta desse aminoácido está relacionada a várias doenças neuropsiquiátricas, principalmente depressão, ansiedade e doenças neurodegenerativas, como Parkinson e Huntington.

SErOtONINA NA ALIMENTAÇÃO

Veja alguns alimentos que contêm vitaminas B6, B9 e B12, necessárias para estimular a produção, liberação de serotonina.

VITAMINA B6: banana, avelã, espinafre, abacate, melado, gérmen de trigo e semente de girassol.
VITAMINA B9: germe de trigo, amendoim, espinafre, leguminosas (como lentilha, grão-de-bico e feijões), avelã, beterraba e abacate.

VITAMINA B12: carnes em geral (inclusive peixes), ovos, leite e derivados. Pessoas veganas precisam de suplementação.
Além disso, outros alimentos podem aumentar a produção de serotonina. Um aminoácido encontrado no chá verde, chamado L-teanina, aumenta a síntese central de serotonina e a cúrcuma, conhecida como açafrão da terra, pode aumentar a disponibilidade de serotonina como mostrado em estudos que sugerem doses de 200 a 1000mg/dia de cúrcuma.

BENEFÍCIOS DA SEROTONINA

Seu maior benefício consiste na melhora do humor, do sono, da ansiedade, afetividade, bem-estar e relaxamento.

USO EXAGERADO DA SErOtONINA

O consumo exagerado da serotonina por meio da suplementação pode provocar sintomas desagradáveis, como náuseas, diarreia, insônia e até crises de hipertensão arterial na síndrome serotoninérgica, popularmente conhecida como síndrome da serotonina.


SEROTONINA É VICIANTE?

Normalmente, os alimentos fornecem nutrientes que estimulam a produção natural da serotonina no organismo. Já os medicamentos aumentam essa produção, independentemente da quantidade existente no organismo, por isso é bom ficar atento ao seu consumo. Afinal, como esses medicamentos atuam no sistema nervoso, podem ser viciantes.





Pratique bons hábitos

Pratique Via Santé.









Comentários

Postagens mais visitadas